A verdadeira amizade tem valor de eternidade

O Salmo 132,1 diz assim: “Oh, como é bom, como é agradável para irmãos unidos viverem juntos”.

Com certeza, todos nós podemos contar lindos momentos de partilha, de festa, de alegria, de convivência com os irmãos, não apenas com os biológicos, mas com todas as pessoas que Deus põe no nosso caminho ao longo da vida e que se tornam grandes amigos e companheiros.

São momentos inesquecíveis com sabor e valor de eternidade, mas sabemos que há também os desencontros causados por nossa humanidade fragilizada. No entanto, com a graça de Deus, temos um excelente remédio para que nada nos impeça de viver o amor aos nossos irmãos.

Jesus nos ensina hoje: “Quando tu estiveres levando tua oferta para o altar, e ali te lembrares que teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa a tua oferta ali diante do altar, e vai primeiro reconciliar-te com o teu irmãos” (Mt 5,23-24). Talvez, num momento de alegria e confraternização, alguém tenha nos magoado sem querer, ou nós tenhamos magoado alguém e nos afastado dele a ponto de nos tornarmos inimigos.

Hoje, é dia de darmos um passo em direção a estas pessoas e retomar a amizade delas. A vida é breve, e não podemos deixar o tempo passar, porque, no fim, seremos julgados pelo amor.

Senhor, dê-nos, hoje, a graça de começar tudo de novo.

Jesus, eu confio em Vós!

Veja mais:
:: Assista a outros programas “Comece bem o seu dia”
:: Adquira o livro ‘Comece bem o seu dia’